Enviar Mensagem




Forum > Direito do Trabalho > 3 ANOS SEM TIRAR FERIAS
UsuárioDiscussão
joão
Postado em quinta-feira, 04 de dezembro, 2003
oi, gostaria de saber se alguem ja ouviu falar ferias perdida? pois trabalhava em um setor numa empresa porem quando estava para sair dee ferias fui convidado para trabalhar no periodo de matricula em outro setor. conversei com meu chefe e ele autorizou dizendo que poderia gozar os dias de ferias em outra oportunidade(depois da matriula)
porem quando estava trabalhando recebir a noticia de que perderia minhas ferias "não teria direito de gozar os dias". existe essa possibilidade ? visto que entrei na empresa em agosto de 2001 e ate agora não tirei ferias.
iria sair em janeiro ded 2002. recebir as ferias + 1/3, porem quando chegou em fevereiro não recebir salario " passei janeiro trabalhando de 8 da manhã ate as 9 da noite de segunda à sexta. responda por favor.....


ÚsuarioResposta
Thiago Lucas
postado em quarta-feira, 03 de junho, 2009

Assunto: Multas de férias.
Olá. Estou na mesma empresa4 anos e 5 meses, fui liberado para minha 1º férias depois de completar 3 anos de casa, Então me derão 45 dias direto onde descansei, voltei trabalhei 1 mês e logo de pois sai mais 15 dias. Não recebi nada em dobro e também não sai mais de férias desde então.
Tenho um salario de 900,00 reais e gostaria de saber a respeito dos meus direitos em relação as anteriores (quando eu sai) e a essas que eu ainda não gozei delas.

Muito obrigado desde já.
Jeferson Luiz
postado em quarta-feira, 08 de julho, 2009
Trabalho há 5 anos e nunca sai de férias , quais os meus direitos como trabalahdor.
marcelo duarte
postado em segunda-feira, 23 de novembro, 2009
trabalho a seis anos numa empresa, vou me demitir e tenho 4 ferias vencidas??? todas serao dobradas?? e a partir da 3 ferias vencidas eu perco uma??? aguardo resposta!!! obrigado
ricardo henrique
postado em sábado, 16 de janeiro, 2010
olá sou vigilante e fui contratado por uma empresa no dia 01/03/05 ate os dias de hoje durante esse periodo só tirei 02 ferias já estou com a terceira ferias a vencer em 01/03/2010 o que posso fazer e qual os direitos que tenho onde posso busca os meus direitos .

obrigado pela atenção

ASS:Ricardo Henrique
jose nilton da silva souza
postado em terça-feira, 13 de abril, 2010
ola meu nome e jose nilton e tenho uma duvida com relação a feris,,
se eu vencer duas ferias sem que a empresa mim avisar que eu teria vencedo duas e nem eu avisei no departamento onde trabalho o que eu ganho o perdo com relação a este broblema, mim responda,,,,,


ou eu vença tes ferias qual e a diferença onde ganho ou onde peco com essas duas diferençe ...

um abraço gostaria de resposta por favor,,,
diego
postado em quinta-feira, 02 de setembro, 2010
BOM TRABALHO EM UMA EMPRESA A CERCA DE 3 ANOS E 4 MESES E AINDA NAO TIREI FERIAS GOSTARIA DE SABER O QUANTO TENHO A RECEBER SOBRE MINHAS FERIAS POIS NÃO SO NAO RECEBI NENHUM VALOR COMO TAMBEM NAO RECEBI OS DIAS, E COMO FAÇO PARA RECEBE-LOS.

BOM OBRIGADO PELA ATENÇÃO
Daniel
postado em segunda-feira, 18 de outubro, 2010
Bom dia,

Estou com o seguinte problema:
1º) Trabalho há 09 (NOVE) Anos na Atual Empresa;
2º) Empresa de Família (Dona Esposa do meu Pai e o Meu Pai como Sócio, possuo o Contrato Social e o Histórico da Empresa Matriz);
3º) Dentro destes 09 (Nove) Anos, houve um tempo (Máximo de 02 Anos) em que Trabalhamos como COOPERATIVA (Já entrei em contato com a Cooperativa, ficaram de me enviar uma Carta Especificando o Tempo Exato que permaneci com eles, ainda esta Semana);
4º) Terminado o Registro com a Cooperativa, fui informado de que eu Constava no Contrato Social da Empresa como Pró-Labore (porém não sei em qual empresa - Matriz, Filial, Etc.);
5º) Atualmente Estou solicitando a Documentação de TODO o meu Registro Junto a Empresa referente ao Meu Registro desde Quando Entrei (Começo de 2001);
6º) A Empresa Não Está Querendo me Dar Tal Documentação (Nem Holerites, Nem Cópia do Contrato Social, Nem Mesmo Cópia do Meu Contrato de Trabalho);
7º) Dentro destes 09 (Nove) Anos, Recebi (Financeiramente) Somente 02 (Duas) Vezes Férias e Tirei somente 01 (Uma) Vez (13º - Décimo Terceiro Pagaram Certinho);
8º) Referente ao Mesmo Período Não Estão Recolhendo meu INSS e nem meu Fundo de Garantia, pois neste tempo todo, com Exceção de Quando fui Cooperado, recebo meu Salário Líquido, ou seja, sem Desconto Algum;
9º) A Empresa já está com Minha Carteira de Trabalho, entre outros Documentos meus há mais de 01 (Hum) Ano, quando haviam dito que eu seria Registrado; Portanto até presente momento, pelo que o Próprio Ger. do Fin. me disse é que estou SEM Registro e NÃO faço mais parte do Pró-Labore, ou mesmo consto no Contrato Social da Empresa;
10º) Há 03 (TRÊS) Semanas Atrás, o Ger. do Financ. me Informou que NÃO Faço mais Parte do Contrato Social da Empresa, pois o Mesmo Havia Sido Migrado para outro e que há 01 (Hum) Ano consto SEM Registro na Empresa;
11º) Dentro destes 09 (Nove) Anos meu Salários houve reajustes, atualmente está em R$ 2.000,00.
12º) Meu Pai (Marido da Dona), já disse até o Seguinte "se eu for atrás de todos os meus direitos, eu estaria acabando com o Casamento dele e ele não permitiria que isto acontecesse;
13º) Recentemente no escritório, ele me humilhou na frente dos demais funcionários, por motivos de cunho particular, ou seja, sem relação com a empresa, sem falar que ele ainda estava errado, sem razão, onde comprovei tal fato posteriormente.
14º) Resumindo não conseguem separar o Profissional do Pessoal;
15º) Portanto com isto tudo (resumido) pergunto:
- O que eu tenho direito realmente em receber?
- Se acaso entrar com alguma ação contra a empresa, poderei alegar o que?
- Quanto mais ou menos eu teria direito em Receber em relação às Férias, FGTS e INSS?
- O que posso exigir da Empresa em caso de iniciar um processo?

Fico no aguardo de um retorno.

Desde já agradeço pela atenção.

Att.

Daniel
Daniel
postado em segunda-feira, 18 de outubro, 2010
Bom dia,

Estou com o seguinte problema:
1º) Trabalho há 09 (NOVE) Anos na Atual Empresa;
2º) Atualmente possuo o Cargo de ASSISTENTE ADMINISTRATIVO;
3º) Empresa de Família (Dona Esposa do meu Pai e o Meu Pai como Sócio, possuo o Contrato Social e o Histórico da Empresa Matriz);
4º) Dentro destes 09 (Nove) Anos, houve um tempo (Máximo de 02 Anos) em que Trabalhamos como COOPERATIVA (Já entrei em contato com a Cooperativa, ficaram de me enviar uma Carta Especificando o Tempo Exato que permaneci com eles, ainda esta Semana);
5º) Terminado o Registro com a Cooperativa, fui informado de que eu Constava no Contrato Social da Empresa como Pró-Labore (porém não sei em qual empresa - Matriz, Filial, Etc.);
6º) Atualmente Estou solicitando a Documentação de TODO o meu Registro Junto a Empresa referente ao Meu Registro desde Quando Entrei (Começo de 2001);
7º) A Empresa Não Está Querendo me Dar Tal Documentação (Nem Holerites, Nem Cópia do Contrato Social, Nem Mesmo Cópia do Meu Contrato de Trabalho);
8º) Dentro destes 09 (Nove) Anos, Recebi (Financeiramente) Somente 02 (Duas) Vezes Férias e Tirei somente 01 (Uma) Vez (13º - Décimo Terceiro Pagaram Certinho);
9º) Referente ao Mesmo Período Não Estão Recolhendo meu INSS e nem meu Fundo de Garantia, pois neste tempo todo, com Exceção de Quando fui Cooperado, recebo meu Salário Líquido, ou seja, sem Desconto Algum;
10º) A Empresa já está com Minha Carteira de Trabalho, entre outros Documentos meus há mais de 01 (Hum) Ano, quando haviam dito que eu seria Registrado; Portanto até presente momento, pelo que o Próprio Ger. do Fin. me disse é que estou SEM Registro e NÃO faço mais parte do Pró-Labore, ou mesmo consto no Contrato Social da Empresa;
11º) Há 03 (TRÊS) Semanas Atrás, o Ger. do Financ. me Informou que NÃO Faço mais Parte do Contrato Social da Empresa, pois o Mesmo Havia Sido Migrado para outro e que há 01 (Hum) Ano consto SEM Registro na Empresa;
12º) Dentro destes 09 (Nove) Anos meu Salários houve reajustes, atualmente está em R$ 2.000,00.
13º) Meu Pai (Marido da Dona), já disse até o Seguinte "se eu for atrás de todos os meus direitos, eu estaria acabando com o Casamento dele e ele não permitiria que isto acontecesse;
14º) Recentemente no escritório, ele me deu uma enorme bronca (Gritou e foi Estupido) na frente dos demais funcionários, por motivos de cunho particular, ou seja, sem relação com a empresa, sem falar que ele ainda estava errado, sem razão, onde comprovei tal fato posteriormente.
15º) Resumindo não conseguem separar o Profissional do Pessoal;
16º) Portanto com isto tudo (resumido) pergunto:
- O que eu tenho direito realmente em receber?
- Se acaso entrar com alguma ação contra a empresa, poderei alegar o que?
- Quanto mais ou menos eu teria direito em Receber em relação às Férias, FGTS e INSS?
- O que posso exigir da Empresa em caso de iniciar um processo?

Fico no aguardo de um retorno.

Desde já agradeço pela atenção.

Att.

Daniel
Daniel
postado em segunda-feira, 18 de outubro, 2010
Bom dia,

Estou com o seguinte problema:
1º) Trabalho há 09 (NOVE) Anos na Atual Empresa;
2º) Atualmente possuo o Cargo de ASSISTENTE ADMINISTRATIVO;
3º) Empresa de Família (Dona Esposa do meu Pai e o Meu Pai como Sócio, possuo o Contrato Social e o Histórico da Empresa Matriz);
4º) Dentro destes 09 (Nove) Anos, houve um tempo (Máximo de 02 Anos) em que Trabalhamos como COOPERATIVA (Já entrei em contato com a Cooperativa, ficaram de me enviar uma Carta Especificando o Tempo Exato que permaneci com eles, ainda esta Semana);
5º) Terminado o Registro com a Cooperativa, fui informado de que eu Constava no Contrato Social da Empresa como Pró-Labore (porém não sei em qual empresa - Matriz, Filial, Etc.);
6º) Atualmente Estou solicitando a Documentação de TODO o meu Registro Junto a Empresa referente ao Meu Registro desde Quando Entrei (Começo de 2001);
7º) A Empresa Não Está Querendo me Dar Tal Documentação (Nem Holerites, Nem Cópia do Contrato Social, Nem Mesmo Cópia do Meu Contrato de Trabalho);
8º) Dentro destes 09 (Nove) Anos, Recebi (Financeiramente) Somente 02 (Duas) Vezes Férias e Tirei somente 01 (Uma) Vez (13º - Décimo Terceiro Pagaram Certinho);
9º) Referente ao Mesmo Período Não Estão Recolhendo meu INSS e nem meu Fundo de Garantia, pois neste tempo todo, com Exceção de Quando fui Cooperado, recebo meu Salário Líquido, ou seja, sem Desconto Algum;
10º) A Empresa já está com Minha Carteira de Trabalho, entre outros Documentos meus há mais de 01 (Hum) Ano, quando haviam dito que eu seria Registrado; Portanto até presente momento, pelo que o Próprio Ger. do Fin. me disse é que estou SEM Registro e NÃO faço mais parte do Pró-Labore, ou mesmo consto no Contrato Social da Empresa;
11º) Há 03 (TRÊS) Semanas Atrás, o Ger. do Financ. me Informou que NÃO Faço mais Parte do Contrato Social da Empresa, pois o Mesmo Havia Sido Migrado para outro e que há 01 (Hum) Ano consto SEM Registro na Empresa;
12º) Dentro destes 09 (Nove) Anos meu Salários houve reajustes, atualmente está em R$ 2.000,00.
13º) Meu Pai (Marido da Dona), já disse até o Seguinte "se eu for atrás de todos os meus direitos, eu estaria acabando com o Casamento dele e ele não permitiria que isto acontecesse;
14º) Recentemente no escritório, ele me deu uma enorme bronca (Gritou e foi Estupido) na frente dos demais funcionários, por motivos de cunho particular, ou seja, sem relação com a empresa, sem falar que ele ainda estava errado, sem razão, onde comprovei tal fato posteriormente.
15º) Resumindo não conseguem separar o Profissional do Pessoal;
16º) Portanto com isto tudo (resumido) pergunto:
- O que eu tenho direito realmente em receber?
- Se acaso entrar com alguma ação contra a empresa, poderei alegar o que?
- Quanto mais ou menos eu teria direito em Receber em relação às Férias, FGTS e INSS?
- O que posso exigir da Empresa em caso de iniciar um processo?

Fico no aguardo de um retorno.

Desde já agradeço pela atenção.

Att.

Daniel
edson ferreira de souza
postado em sábado, 12 de fevereiro, 2011
olá, bom dia! eu trabalho a nove anos em uma empresa de segurança, meu salario é de R$640 na carteira, tenho uma ferias dentro e outra que esta para vencer e ja vão me dar as minha conta sem o aviso de demissão. a duvida é! quais são os direito que me amparão.
123