Enviar Mensagem




Forum > Direito do Trabalho > Gestante demitida após 30 dias de exp.
UsuárioDiscussão
Fernanda Rodrigues de Barros
Postado em terça-feira, 15 de abril, 2003
Comecei a trabalhar em uma empresa no dia 18/12/2002, sendo que minha CTPS fio assinada dia 2/01/2003. Na parte de trás está escrito "contrato de experiência de 30 dias podendo ser prorrogado por mais 60". A empresa pagou um curso para mim no mês de janeiro. No dia 4/02/2003 eu tive um sangramento após o expediente e fui levada ao hospital, no dia 5 não fui trabalhar, e no dia 6/02/2003,11:00hs da manhã, após já ter comprido 2hs de trabalho a dona (Ana Paula) da empresa me chamou e me mandou embora por estar grávida. Disse-me que precisavs de uma pessoa disponível e não me queria mais, mesmo tendo passado já 30 dias de experiência. No mesmo dia fui ao sindicato, que me informou que eu deveria voltar ao trabalho e que eu não deveria ser demitida até 5 meses após o parto. No dia seguinte levei meu teste de gravidez, e entreguei ao dono( Marcelo) que disse que não era isso, eu falei que ele estava contra a lei, ele me tratou super mal, eu até gravei a conversa, e ele perguntou se eu queria ficar mais 60 dias sentada. Falei que não iria assinar minha rescisão, já que sei que está fraudulenta. Ela está com a data de 3/02/2003, nesse dia eu ainda estava trabalhando e eles não sabiam que eu estava grávida. Neste mesmo dia a empregadora não estava no Brasil, e ele tinha cabado de chegar. Recorri ao Sindicato que marcou uma Comissão de conciliação para 27/02 e a empresa não compareceu. Recebi em minha casa uma intimação da justiça do trabalho do Rio de Janeiro para comparecer em uma udiência dia 17/07/2003,juntamente com a petição do advogado da empresa alegando que, o contrato terminou em 31/01/2003, e que fiquei ciente disto, e que foi marcado dia 3/02/2003 para eu receber o meu salário de janeiro que ainda não recebi, e eu não compareci. Conclusão: A petição é toda mentirosa. No meu contrato diz que se eu ou a empresa desistir antes do prazo eu pagaria ou a empresa indenização de 50% do valor do salário de 600,00. A empresa quer me pagar 593,00.
Recebi ontem uma carta da Procuradoria do Trabalho para eu comparecer dia 14/05 para prestar esclarecimentos. Não sei para quê, e gostaria de saber se sou obrigada a ir?
A minha dúvida é se eu teho direito a receber os salários refentes até o 5º mês após o parto, ou somente os dias que faltavam pra completar 90 dias?

Fernanda

ÚsuarioResposta
celia souza
postado em sábado, 30 de maio, 2009
trabalhei numa empresa 1 ano fui registrada quando estava com 6 mese na empresa e fui demitida logo apos a demissao descobrir que estava gravida de 2 meses avisei a empresa que nada fez comecei a fazer o pre-natal e todos os exames e voltei na empresa so que neste meio tempo sofri um aborto espontaneo qual os meus direitos sobre a empresa ja que eles demorarao muito para resolver o problema o que devo fazer
stefani
postado em quinta-feira, 25 de junho, 2009
PERGUNTA: EU fui contratada pelo periodo de experiencia de 30 dias podendo ser prolongado. Mais dentro este periodo eu descobri que estou gravida. Gostaria de saber se a empresa poderá me demitir...
Mesmo tendo ultrapassado esses 30 dias estipulados pela empresa... Alguem pode me ajudar??? Por favo!!!

Meu email: stefanyjoyce@hotmail.com

Obrigada
ima
postado em terça-feira, 30 de junho, 2009
TINHA UMA AMIGA QUE VEIO DO MARANHÃO E ESTAVA PRECISANDO MUITO DE EMPREGO, CONTRATEI-A PARA CUIDAR DE MINHA FILHA. ENTRE ABRIL E OUTUBRO PAGUEI R$460,00 E DEPOIS ATÉ ABRIL DE 2009 R4 PAGUEI O EQUIVALENTE A R$550,00 POIS HOUVE AUMENTO DO MÍNIMO. ÉRAMOS AMIGAS, MAS DEPOIS NOS DESENTENDEMOS POR CONTA DO NAMORADO DELA QUE IA EM MINHA QUANDO EU NÃO ESTAVA E ELE SEMPRE ESTAVA BÊBADO-PERCEBI QUE COMEÇOU A DESAPARECER OBJETOS DE VALOR-DEI UMA DURA NELA E ACABOU QUE TERMINARAM O NAMORO, CONTUDO NOSSA RELAÇÃO ESTAVA DESGASTADA, ELA CONTOU PARA UMA VIZINHA QUE TINHA A INTENÇÃO DE ME COLOCAR NA JUSTIÇA, POIS NUNCA TINHA RECEBIDO SALÁRIO. O PROBLEMA É QUE ELA RECEBERA, MAS NUNCA MANDEI QUE ELA ASSINASSE NENHUM RECIBO, ENTÃO DE DEZEMBRO EM DIANTE, COMECEI A SOLICITAR SUAS ASSINATURAS EM RECIBO E FIQUEI COM ELA ATÉ ARRANJAR UMA SUBSTITUTA A ALTURA, POIS ELA SEMPRE CUIDOU BEM DE MINHA FILHA. ESTA SEMANA CHEGOU EM MINHA RESIDÊNCIA UMA INTIMAÇÃO JUDICIAL E NELA ESTÁ QUE ANA NUNCA RECEBEU NADA DE SALÁRIO. OUVI DIZER QUE TEM UMA DECISÃO SUMULADA NO STF A RESPEITO DE QUE NINGUÉM TRABALHA MAIS DE 90 DIAS SEM RECEBER SÁLARIO. GOSTARIA DE SABER SE ISSO PROCEDE.
Tatiane da Silva de França
postado em terça-feira, 18 de agosto, 2009
Pergunta, eu engravidei no periodo de experiencia que era de 90 dias eles me mandaram embora no ultimo dia da experiencia,gostaria de saber se eles podem realmente mandar embora?
cárita martines ribeiro
postado em quarta-feira, 16 de setembro, 2009
gostaria de saber eu to fazendo 2 meses de trabalho e acabei engravidando,na miha experi~encia,vou entrar na minha terceira semana de gestação,então quero saber se posso ser mandada embora quando vencer os 3 meses de experiência?
ELAINE DA CONCEIÇÃO SOUZA
postado em terça-feira, 20 de outubro, 2009
POR FAVOR PROVIDENCIEM O BENEFICO MATERNIDADE P MINHA EMPREGADA DOMESTICA,OBRIGADO!
OS DADOS DELA SÃO: JÁ FORAM DADOS MAS AT AGORA ELA NEM RECEBEU UMA CARTA E NEM DERAM NOTICAS O QUE ACONTCEU COMIGO.....
ELA SE CHA KÉSIA DA SILVA SOUZA
CPF_ 116387256-32
ENDEREÇO-AV.MANUEL FONSECA ,º 166
BAIROO NEUCIDES, SANTA RITA DO SAPUCAÍ MAS NÃO CHEGOU NADA AINDA E PRECISA MUITO.
Nº DA CARTEIRA PROFSSIONAL E TEM UMA ORIGINAL RSRSRSRSR....
O Nº DO NIT DELA É ;1687486090,0...ELA DEU ENTRADA NA CIDADE DE POUSO ALGRE E DEIA LA ,,,,,
OLHA BOA NOI E AMI VAI PARRARRRR;;;;;;;;;;;
OBRIGADA PELA AJUDA.TENHAM UMA BOA NOITE!
naiara rocha dos santos
postado em terça-feira, 03 de novembro, 2009
Prdir demissao do meu emprego, depois de duas semanas descobrir que estava grávida eu tenho algum direito de remuneraçao? pois agora ficarei nove meses sem poder procurar outro emprego.
patricia pacheco
postado em domingo, 13 de dezembro, 2009
trabalhei de 03 de outubro a 30 de novembro num galeto como aulxiliar de cozinha,tirei folgas, tudo 0k,porém aí para me operar, retirar um anel no estomago, fruto de duma redução feita há 2 anos que estava me prejudicando, emagrecendo muito e sem força para trabalhar,. não assinei contrato de trabalho , más segundo a firma ainda estava em experiencia, me pagaram o mes vencido, más quero algo mais tenho direito férias e deecimo proporcional? Sugeri colocar uma amiga em meu lugar para eu pagar a mesma, e continuar recendo como se estivesse trabalhando, não aceitaram é ilegal? abraços estou brigando pela diferença, é correto, acabei de receber de uma firma anterior porque, me demitiram grávida, isso implica em colocar esta na justiça?
patricia pacheco
postado em domingo, 13 de dezembro, 2009
trabalhei de 03 de outubro a 30 de novembro num galeto como aulxiliar de cozinha,tirei folgas, tudo 0k,porém aí para me operar, retirar um anel no estomago, fruto de duma redução feita há 2 anos que estava me prejudicando, emagrecendo muito e sem força para trabalhar,. não assinei contrato de trabalho , más segundo a firma ainda estava em experiencia, me pagaram o mes vencido, más quero algo mais tenho direito férias e deecimo proporcional? Sugeri colocar uma amiga em meu lugar para eu pagar a mesma, e continuar recendo como se estivesse trabalhando, não aceitaram é ilegal? abraços estou brigando pela diferença, é correto, acabei de receber de uma firma anterior porque, me demitiram grávida, isso implica em colocar esta na justiça?
patricia oliveira vieira
postado em quarta-feira, 30 de dezembro, 2009
Fui contrata por uma empresa por contrato de experiencia de 45 dias, depois renovados por 30 dias.Posso ser demitida estando gravida?
1234567